Portal MEC
www.ufrj.br
 
Mestrado, Residência e Cursos

Assédio Moral
Cursos no IESC
Novidades
Cadernos Saúde Coletiva

Boletim Informativo

#

Portal da Transparência - Gastos Diretos por Órgão (IESC da UFRJ)

Acesso à Informação no Brasil

- - -

Memorando Circular nº 09/13  Pró-Reitoria de Planejamento, Desenvolvimento e Finanças da UFRJ.

Congregação do IESC      Regimento do IESC 


Instituto de Estudos em Saúde Coletiva

O Instituto de Estudos em Saúde Coletiva teve sua constituição aprovada pelo Conselho Universitário da Universidade Federal do Rio de Janeiro em 14 de setembro de 2006, dezessete anos depois da criação do Núcleo de Estudos em Saúde Coletiva, órgão suplementar do Centro de Ciências da Saúde.

A criação do NESC ocorreu em um contexto de intenso debate e mudanças nas práticas de reflexão e na organização do sistema de saúde brasileiro, o SUS. Constituiu-se como unidade de produção e difusão de conhecimentos na área de Saúde Coletiva, em processo de aceleradas transformações.

A transformação do NESC em IESC está, histórica e dialeticamente, inserida no desafio da sobrevivência deste modelo de saúde, construído para nosso país ao longo de décadas e nas transformações cada vez mais rápidas, no qual o setor complementar, privado, se amplia e sob exigências cada vez maiores da produção acadêmica, desejável, porém com sua autonomia confrontada.

O compromisso do Instituto de Estudos em Saúde Coletiva da UFRJ é apresentar e discutir, de forma aprofundada e crítica, os principais paradigmas que constituem as teorias da saúde coletiva no Brasil e no mundo. Formando profissionais de saúde capazes de reconhecer e considerar a complexidade das questões com que lidam, além de subsidiar práticas mais eficazes voltadas à saúde no nível coletivo.

O IESC conta com diversas linhas e projetos de pesquisa fortemente vinculados à extensão e formação de recursos humanos para a rede pública de serviços de saúde caracterizaram seu percurso, marcado pela participação ativa nos grandes debates travados no campo, confirmando a sua vocação: ser uma unidade acadêmica em constante diálogo com o movimento sócio-sanitário, buscando contribuir para o enfrentamento dos crescentes desafios que se apresentam no cenário da Saúde Pública Brasileira.








Curso de Graduação em Saúde Coletiva

Curso de Graduação em Saúde Coletiva da UFRJ




Ouvidoria

Projeto ERICA
O ERICA é um estudo multicêntrico nacional que tem por objetivo conhecer a proporção de adolescentes com diabetes mellitus e obesidade, assim como traçar o perfil dos fatores de risco para doenças cardiovasculares. Leia mais



Ações para controle da tuberculose na Atenção Básica

Tuberculose



MEMORANDO CIRCULAR nº 09/13

Prezada(o)s

Foi remetido a esta direção o MEMORANDO CIRCULAR nº 09/13 da Pró-Reitoria de Planejamento, Desenvolvimento e Finanças da UFRJ, endereçado aos Decanos dos Centros, Diretores de Unidades, Institutos e Órgãos Suplementares, em cumprimento ao Acórdão nº 3863/2011 – TCU – 2ª Câmara, fundamentado no art. 56 da Lei nº 4320/64 e art. 2º do Dec. Nº 93.872/86, recomendando que Arrecade as receitas decorrentes de cursos oferecidos pela UFRJ, por meio de fundação de apoio, exclusivamente em conta de titularidade da própria universidade (...)”.

Portanto, ressaltamos que, nos termos do referido Memo nº 93/13, qualquer receita auferida em nome da universidade deve ser depositada na conta única da UFRJ.

O documento alerta ainda que o procedimento acima tem sido reiteradamente recomendado pelos Acórdãos do TCU, e chama a atenção para a possibilidade de aplicação de penalidades aos gestores públicos supra mencionados por infração à legislação vigente, destacando que “cabe aos Órgãos de Controle Externo, orientar, recomendar e, posteriormente, imputar penalidade pelo uso irregular dos recursos públicos, pelo que, orientamos a todos que gerenciem projetos no IESC a observância destas recomendações.



ppgsc



Programa de Pós-Graduação em Bioética, Ética Aplicada e Saúde Coletiva

Para entrar em contato com a secretaria
envie mensagem para:
ppgbios2010@gmail.com

Mestrado | Doutorado



146.164.25.145

Laboratório de Educação a Distância do Instituto de Estudos em Saúde Coletiva da UFRJ (LABEAD/IESC)

A experiência adquirida pelo Instituto de Estudos em Saúde Coletiva, associada à grande demanda de treinamento de profissionais de órgãos públicos federais e de governos locais proporcionaram estruturar a proposta do Programa de Formação de Recursos Humanos em Vigilância em Saúde Ambiental, na modalidade de Educação a Distância (EAD), por meio do convênio com o Ministério da Saúde e Organização Pan-Americana de Saúde. Leia mais


Notícias:

Edital nº. 24/2015 de 12 de fevereiro de 2014


Processo Seletivo para Professor Substituto Ciências Sociais e Humanas em Saúde – IESC da UFRJ


Programa Concurso

Critérios para pontuação de Currículo Vitae

Comissão Julgadora e Cronograma do Processo Seletivo.






Concurso para Professor Adjunto da Área de Epidemiologia e Bioestatística do IESC-UFRJ


Inscrições no período de 8 de janeiro a 3 de fevereiro de 2015.

Cronograma inicial, edital e outras informações ecncontram-se no site do concurso – UFRJ

Conteúdo programático para a vaga de Professor Adjunto de Bioestatística (MS-104)

  1. Análise de sensibilidade (Bias Analysis)
  2. Análise de Séries Temporais em Saúde.
  3. Modelo de Regressão Linear. Análise de Variância e Covariância.
  4. Análise de dados categóricos: Tabelas de Contingência e Modelo Logístico. Modelo Log-linear. Modelo Multinomial. Teoria e aplicações em saúde.
  5. Análise de Sobrevivência. Teoria e aplicações em saúde
  6. Modelos para análise de dados hierárquicos e modelos longitudinais em saúde
  7. Análise multivariada: técnicas estatísticas de classificação e de redução da dimensionalidade.
  8. Confundimento e interação. Técnicas para abordagem
  9. Introdução à Demografia em Saúde.
  10. Desenhos amostrais e determinação do tamanho amostral em saúde.

Conteúdo programático para a vaga de Professor Adjunto de Epidemiologia (MS-105)

  1. Sistemas de vigilância epidemiológica: objetivos, atribuições, organização, coleta e fluxo de dados, produção e divulgação de informações, medidas de controle, avaliação.
  2. Distribuição das doenças segundo características relacionadas ao tempo, ao espaço e às pessoas e efeitos de coorte, período e idade.
  3. Investigação de surtos e epidemias: desenhos de estudos, validade, métodos de análise.
  4. Monitoramento de doenças e agravos à saúde e detecção de epidemias: fontes de dados, métodos e procedimentos de análise.
  5. Vigilância epidemiológica e controle de doenças infecciosas em saúde pública: agente, hospedeiro e ambiente.
  6. Monitoramento de doenças crônicas e agravos não transmissíveis: objetivos, abordagens e estratégias metodológicas.
  7. Doenças Emergentes e Informações Estratégicas e Respostas em Vigilância em Saúde.
  8. Vigilância de óbitos: objetivos, abordagens e estratégias metodológicas.
  9. Vigilância epidemiológica e avaliação de programas em saúde pública.
  10. Vigilância epidemiológica e análise da situação de saúde de populações humanas.



Bioética, Ética Aplicada e Saúde Coletiva
Mestrado e Doutorado
O Programa de Pós-graduação em Bioética, Ética Aplicada e Saúde Coletiva (PPGBIOS), desenvolvido em associação ampla, congrega docentes de quatro importantes instituições de ensino superior do Brasil sediadas no Rio de Janeiro. Leia mais.




Direção
Diretor
Armando Meyer
Vice-Diretor
Jaqueline Terezinha Ferreira
Chefe de Gabinete
Jonhson Braz da Silva
Diretor Adjunto de Administração
Adriano da Rocha Ramos
Diretora Adjunta de Extensão
Neide Emy Kurokawa e Silva
Diretora Adjunta de Graduação
Miriam Ventura
Diretora Adjunta de Pós-Graduação
Claudia Medina Coeli